Blog da Wanessa Costa: Me empresta um batom ?

Me empresta um batom ?





Ato comum entre amigas, colegas e ate mesmo desconhecidas o empréstimo de um batom pode parecer não ter nada demais afinal é apenas um batom, porem esse hábito pode ou não causar danos a sua saúde e  da pessoa a quem utilizou o objeto.

Quando um batom é compartilhado ele pode conter partículas de saliva e essa é umas das secreções mais contaminadas do corpo. Os agentes infecciosos (fungos, vírus e bactérias) podem ser transmitidos através dela e causar várias doenças como herpes labial, mononucleose, candidíase conhecida popularmente como “sapinho”, amigdalite e infecções respiratórias.




Usei um batom emprestado, estou contaminada ?

Será necessário observar sinais e possíveis sintomas, caso algo diferente aconteça um médico deverá ser consultado.

Qualquer  pessoa pode se contaminar ?
Existem fatores determinantes para que esses microrganismos permaneçam nesses objetos como a temperatura do ambiente, resistência imunológica e local de armazenamento outro fator que deve ser considerado no usuário do objeto são lesões na região bucal e sangramento nas gengivas.
Mais de qualquer forma deve se evitar o uso coletivo desse objeto como forma de prevenção a tantas doenças.



Sinais e Sintomas da contaminação:

Herpes Labial: é uma doença viral recorrente, geralmente benigna, causada pelos vírus Herpes simplex 1 e 2. Após infecção da mucosa, o vírus multiplica-se produzindo os característicos exantemas (manchas vermelhas inflamatórias) e vesículas (bolhas) dolorosas na boca. Não tem cura, mas alguns remédios ajudam a diminuir os sintomas.

Mononucleose: é uma doença infecciosa causada pelo vírus Epstein-Barr e transmitida pela saliva. Causa febre alta, mal estar, fadiga, dores de garganta (faringite), às vezes hepatite moderada e aumento dos gânglios linfáticos do pescoço. A infecção é controlada ao fim de alguns dias, mas o vírus frequentemente permanece por toda a vida escondido no organismo das pessoas. Não há cura.

Candidíase (sapinho): doença causada pelo fungo Candida albicans e que ataca qualquer parte da pele humana. Os sintomas mais frequentes da candidíase oral são a dor e vermelhidão da boca e mucosa, podendo também haver manchas brancas ou placas na mucosa da língua e bochecha. Tratada com medicamentos antifúngicos.
Gengivite: inflamação que ocorre na gengiva causada por bactérias. A principal característica é a alteração da coloração da gengiva. De um vermelho claro e brilhoso, a gengiva adquire a coloração avermelhada intensa e sem brilho. Outras características são a sensibilidade mais intensa na gengiva e o sangramento.


Obs: Lembramos que são muitas outras doenças citamos apenas as mais populares, mais um motivo para que tenhamos atenção redobrada.

Como higienizar os batons ?

Batom bastão deve ser higienizado toda vez em que for utilizado com o auxílio de um papel toalha, retirando-se a camada que fica por cima e nas laterais, outra forma é mergulhar o bastão em um copo com álcool por alguns segundos, dessa forma evitaremos a proliferação dos microrganismos.


Batons de paletas ou estojos: deve-se remover a primeira camada do produto com papel toalha antes de utilizá-lo e não usar os dedos para aplicá-lo.


Dica:

Pense em maquiagem como itens de uso pessoal, não empreste pelo mesmo motivo pelo qual não empresta sua calcinhas ou escova de dentes.






Nenhum comentário:

Postar um comentário